SANDRA LAURITA
A Poesia vive em Mim.
Textos

Imagem by Pinterest

 

Suspirar e Resistir

 

Um vento forte pode não ser o prenúncio de tempestade, um aguaceiro nem sempre inunda o chão que ferve na secura de dias intermináveis, teu olhar nem sempre encontra o meu, sou cachoeira inconstante desviando de pedras, galhos e encostas.

 

Tem tanto mel na colmeia, mesmo assim, não adoça o dia, as árvores estão inquietas com o uivo do vento, esperar os fortes pingos da chuva prometida, é o que resta.

 

Vem a noite, os vaga-lumes vagueiam e piscam para as estrelas, há uma certa cumplicidade entre eles, da janela observo e tento decifrar os poemas que eles trocam e deixam escapar entre um brilho e outro.  Quanta poesia nesse cenário, pra que procurar em outro lugar?

 

Passear pelos pensamentos e só deixar a alma fluir, leve feito brisa que beija a face e bagunça o penteado, soltar os músculos que represam o sorriso, suspirar e resistir!

 

Sandra Laurita

 

 

 

 

 

Sandra Laurita
Enviado por Sandra Laurita em 06/01/2022
Alterado em 23/02/2022
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras